A UNIVERSIDADE

A história da fundação e do desenvolvimento da Universidade de Mogi das Cruzes inicia-se com a criação da Organização Mogiana de Educação e Cultura (OMEC), em 1962. Nessa época, com o objetivo de oferecer mais oportunidades educacionais à população da cidade de Mogi das Cruzes e região, o então Presidente da OMEC, Professor Manoel Bezerra de Melo, fundou uma escola de ensino fundamental – um “ginásio” como era chamado na época.

O “ginásio” atendeu à demanda e, por isso mesmo, prosperou e cresceu a ponto de buscar sua própria continuidade, com a implantação de cursos superiores, o que se concretizou em 1964, com o funcionamento da Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras, autorizada pelo Conselho Federal de Educação com os Cursos de Filosofia, Letras, Pedagogia e Ciências Sociais. Outros cursos foram sendo implantados no decorrer do tempo até que, em 1973, a Instituição foi credenciada como Universidade de Mogi das Cruzes – UMC, sendo 1ª Universidade particular criada no Estado de São Paulo e 2ª no Brasil.

Ao período de implantação da UMC sucedeu uma época de crescimento físico nos anos 70 e 80. A Instituição chegou a contar 22.000 alunos e por mais de 10 anos foi a única IES a oferecer cursos noturnos de Engenharia na Região Leste da Grande São Paulo. Nesse período, a Instituição dimensionou áreas de atuação e investiu na construção do Campus Sede e no aumento significativo da estrutura de instalações e laboratórios, para corresponder às suas necessidades e garantir a qualidade de seu desempenho.

Missão da UMC é gerar e disseminar o conhecimento para formar profissionais socialmente responsáveis, empreendedores e transformadores da realidade contemporânea, norteando sua ação educativa em princípios humanísticos e princípios organizacionais.

São princípios humanísticos da Universidade:

  • a) o princípio da supremacia do ser humano;
  • b) os princípios de justiça e fraternidade na relação entre as pessoas e a relação recíproca dos direitos e deveres de cada pessoa;
  • c) o princípio da liberdade dos indivíduos serem responsáveis na realização dos seus objetivos;
  • d) o princípio de que os interesses comuns se sobrepõem aos interesses pessoais.

São princípios organizacionais da Universidade:

  • a) a gestão racional de patrimônio, administração e recursos humanos:
  • b) a estrutura orgânica, com base em cursos com dimensões do ensino, pesquisa e extensão, vinculados à administração superior;
  • c) a flexibilidade de métodos e critérios, tendo em vista a possibilidade de combinar conhecimentos para novos cursos e projetos de investigação a partir das diferenças individuais dos alunos e características locais;
  • d) a avaliação institucional, que utilizará mecanismos de avaliação interna e externa para integrar o processo de melhoria da qualidade do ensino e se estenderá a toda a comunidade universitária.

Os Valores da UMC estão fundamentados:

  • a) no desenvolvimento de consciência crítica da sociedade e do indivíduo, favorecendo o crescimento econômico e social da região;
  • b) no desenvolvimento de senso de justiça e de solidariedade, promovendo a melhoria na qualidade de vida da comunidade em seu entorno;
  • c) no desenvolvimento da consciência de que os interesses social e individual são igualmente importantes para o equilíbrio das relações humanas;
  • d) na inovação e na criatividade tecnológica, com ética e respeito aos indivíduos, na produção e disseminação do conhecimento científico;
  • e) na valorização e priorização dos direitos humanos, sejam individuais ou coletivos, com respeito à diversidade e à tolerância;
  • f) na análise e na preservação do meio ambiente, em todas as suas vertentes;
  • g) na promoção da inclusão, da responsabilidade e do desenvolvimento social.

As Finalidades da UMC são:

  • a) promover a pesquisa, desde a iniciação até a consolidação e a divulgação da produção científica;
  • b) desenvolver atividades de extensão em suas várias modalidades;
  • c) formar profissionais aptos para o exercício de suas funções e para participação no desenvolvimento da região e do país;
  • d) contribuir para o avanço da ciência e para formação da cidadania.
Edit

PDF ESTATUTO

Edit

PDF REGIMENTO GERAL

Edit

PDF Regimento Interno Residência Médica

Edit

PDF Regulamento Geral de Pós-Graduação

Edit

PDF Nomeação de Encarregado de Dados - UMC

Programa de Governança em Privacidade e Proteção de Dados

Edit

PDF Estrutura do Programa de Governança em Privacidade e Proteção de Dados - UMC

Edit

PDF Política de Privacidade e Proteção de Dados - UMC

Edit

PDF Aviso de Privacidade - RH - UMC

Edit

PDF Estrutura da Política de Sigilo e Confidencialidade de Informações Corporativas - UMC

Edit

PDF Nomeação de Encarregado de Dados - UMC

Administração

UNIVERSIDADE DE MOGI DAS CRUZES

Chanceler e Reitora
Prof.ª Mestre Regina Coeli Bezerra de Melo

PRÓ-REITORIA ACADÊMICA

Pró-Reitor Acadêmico
Prof. Dr. Cláudio José Freixieiro Alves de Brito

Assessor Pedagógico da PROAC
Prof. Dr. Hélio Martucci Neto

DIRETORIA DE PESQUISA, PÓS-GRADUAÇÃO E EXTENSÃO

Diretor de Pesquisa, Pós-Graduação e Extensão
Prof. Dr. Cláudio José Freixieiro Alves de Brito

Coordenadora de Pesquisa e Pós-Graduação Stricto Sensu
Prof.ª Dra. Regina Lúcia da Costa Oliveira

Coordenador de Pós-Graduação Lato Sensu e Extensão
Prof. Mestre Nellis Oliveira Santos

EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA – EAD

Coordenador Geral
Prof. Mestre Nellis Oliveira Santos

DIRETORIA ADMINISTRATIVA

Diretor
Sr. Luiz Carlos Jorge de Oliveira Leite

DIRETORIA FINANCEIRA

Diretor:

DIRETORIA JURÍDICA

Diretor
Dr. Júlio Aguiar Dias

GERÊNCIA DE GESTÃO DE PESSOAS

Gerente
Sra. Cássia Pires Moraes Lopes Silva

COMISSÃO PRÓPRIA DE AVALIAÇÃO – CPA

Coordenador
Prof. Dr. Cláudio Osiris de Oliveira

ATENDIMENTO INTEGRADO

Gerente de Atendimento Integrado
Sra. Elisangela Souza de Oliveira Cipullo